23 de jun de 2012

Novos resmungos virtuais

1. Exercício de descida de salto-alto: pensar que sempre vai ter alguém que vai olhar para o que você faz, age ou pensa, e dizer só de sacanagem: "E eu com isso?"

2. O uso indiscriminado da palavra "foco" me faz chegar a uma conclusão. Essa palavra deveria ser utilizada apenas pelos fotógrafos, que sabem muito bem o que fazer com ela. Ao contrário dos pretensamente "focados".

3. O mantra dos perfeccionistas é esse: "Deus está nos detalhes". Mas Deus não é esse chato que os perfeccionistas pintam, não.

4. Frase típica de quem quer contratar um frila sem gastar muito: "Faça uma coisa simples"

5. O mundo anda tão politicamente correto, que, se você chamar alguém de "amigo da onça", periga ele te denunciar por maus tratos aos animais.

6. Observando esses "manuais" disso ou daquilo, que as redes sociais trazem todo santo dia, resolvi elaborar o Manual do Livre Arbítrio. Ele tem apenas duas regras:
- Faça o que quiser da sua vida.
- Ignore solenemente a regra anterior.

7. Comentário cínico, típico de chato, após emissão de frase inaceitável (e a consequente queixa do interlocutor): "Ai, eu não falei nada de mais!"

8. Se você disser que detesta alguma coisa, vão te achar um chato. Se você disser com bom humor que odeia alguma coisa... vão te achar insuportável.

9. Questiúnculas de importância descomunal em tempos conectados:
- Por que você não marcou minha foto no Face?
- Por que você fechou a janela de bate-papo na minha cara?
- Por que você não acessa o Face todo dia?
Possível resposta sucinta e altamente ofensiva a essas questões de suma importância: 
:)

2 comentários:

Célia Rangel disse...

Ótimo todos os resmungos... Fico com o 6º - 'Faça o que quiser da sua vida.
- Ignore solenemente a regra anterior".
Abraço, Célia.

Carla Ceres disse...

O resmungo número 9 parece feito pra mim. Continuo ruim de Facebook. Dou cada mancada! :) Beijos!