7 de mar de 2013

Mulheres todos os dias

O que dizer de uma mulher? Tanto já foi dito, inclusive por elas próprias. Tanto se disse contra elas. Seres indóceis, incompletos, indesejáveis, maldisseram as mulheres. Mal-amados, esses seres que se dedicam a maldizer, a maltratar, a mal-amar.

Inteligentes, estrategistas, controversas. Bonitas, charmosas, valentes. Precisam de reconhecimento, de atenção, de ouvidos.

Pressionadas por uma sociedade esteticamente correta - o politicamente correto da perfeição corporal impossível - elas se viram como podem, como querem, como suportam. E suportam um mundo nas costas, em muitos casos.

O direito de ser o que pretendem, o que desejam, evidencia uma sensilbidade à flor da pele, com firmeza semeada pela atitude, com beleza enraizada na alma.

Para as mulheres, que fazem todos os dias do ano melhores, um só dia dedicado a elas é pouco. Porque elas dedicam os seus dias a fazer todos melhores.

Gratidão às mulheres nunca é demais. Um "muito obrigado" a elas jamais será suficiente.

Um comentário:

Célia Rangel disse...

Esse vermelho nos lábios... comprova e muito da personalidade feminina! Obrigada, Érico!
Abraço, Célia.