20 de mar de 2011

Entrevista imprevista com um certo cartunista

Para que você se recupere das rimas infames do título acima, leia a entrevista concedida por este cartunista a João Umberto Nassif, na Tribuna Piracicabana de hoje.

Segure-se na cadeira, o papo é quilométrico. Para um cartunista que sofre de timidez crônica, até que eu falei bastante. Graças ao Nassif.

A entrevista está aqui.

Nenhum comentário: